terça-feira, 2 de novembro de 2010

politica

“As chamadas minorias, por exemplo, precisam reconhecer que, no fundo, elas são a maioria. O caminho para assumir-se como maioria está em trabalhar as semelhanças entre si e não só as diferenças e assim criar a unidade na diversidade, fora da qual não vejo como aperfeiçoar-se e até como construir-se uma democracia substantiva, radical.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.